Baterias - melhores preços e qualidade garantida!
Baterias

Baterias

Diversifique suas opções de energia em seus projetos eletrônicos com a ampla gama de baterias disponíveis na MakerHero. Em nosso catálogo abrangente, você encontrará uma variedade de baterias de alta qualidade a preços acessíveis, todas com garantia e emissão de nota fiscal. Explore a diversidade de baterias disponíveis em nossa loja para alimentar seus dispositivos eletrônicos, proporcionando soluções de energia confiáveis, eficientes e adaptáveis que atendam às suas necessidades específicas.

Mostrando 1–20 de 31 resultados

O que são baterias?

No contexto da eletrônica, as baterias são dispositivos que convertem energia química em energia elétrica através de uma reação eletroquímica. Elas são amplamente utilizadas para alimentar uma variedade de dispositivos eletrônicos, desde pequenos aparelhos como relógios e controles remotos até dispositivos maiores como carros elétricos e sistemas de armazenamento de energia para residências.

As baterias são compostas por um ou mais células eletroquímicas, que consistem em eletrodos (um ânodo e um cátodo) imersos em um eletrólito. Durante a descarga da bateria, os elétrons fluem do ânodo para o cátodo através de um circuito externo, enquanto íons positivos fluem através do eletrólito para manter a neutralidade de carga. Esse processo gera corrente elétrica que pode ser usada para alimentar dispositivos.

Existem diferentes tipos de baterias, cada uma com suas próprias características de desempenho, densidade de energia, vida útil e aplicabilidades específicas. Alguns dos tipos mais comuns incluem baterias de íon-lítio, baterias de chumbo-ácido, baterias alcalinas e baterias de níquel-cádmio.

 

Para que servem as baterias?

As baterias têm uma ampla gama de aplicações e são usadas em muitos dispositivos e sistemas em nossa vida cotidiana. Aqui estão algumas das principais funções e aplicações das baterias:

  • Smartphones e tablets: As baterias são a fonte de energia principal para dispositivos móveis, permitindo que sejam usados sem a necessidade de estarem conectados a uma tomada elétrica o tempo todo.
  • Laptops e notebooks: Baterias fornecem energia portátil para computadores pessoais, permitindo que sejam usados em movimento sem depender de uma fonte de energia fixa.
  • Dispositivos de áudio e vídeo: Isso inclui reprodutores de música, fones de ouvido sem fio, alto-falantes portáteis, câmeras de vídeo e câmeras digitais, todos os quais dependem de baterias para funcionar sem fio.
  • Dispositivos de comunicação: Como controles remotos, relógios inteligentes, fones de ouvido Bluetooth e dispositivos de rastreamento GPS, todos necessitam de baterias para operar sem fio.
  • Ferramentas elétricas portáteis: Furadeiras, serras elétricas, aparadores de grama e outras ferramentas elétricas portáteis são alimentadas por baterias recarregáveis para maior conveniência e mobilidade.
  • Brinquedos eletrônicos: Muitos brinquedos eletrônicos, desde carrinhos de controle remoto até consoles de jogos portáteis, são alimentados por baterias para permitir a diversão sem a necessidade de fios.
  • Dispositivos médicos: Equipamentos médicos portáteis, como monitores de pressão arterial, oxímetros de pulso e bombas de insulina, muitas vezes dependem de baterias para fornecer energia em situações clínicas e de assistência médica domiciliar.

Em resumo, as baterias são fundamentais para o funcionamento de uma ampla gama de dispositivos eletrônicos portáteis ou remotos, proporcionando a conveniência da mobilidade e a capacidade de uso sem a necessidade de estar conectado a uma fonte de energia fixa.

 

Como funcionam as baterias?

As baterias funcionam através de reações eletroquímicas que ocorrem dentro delas. A seguir está uma descrição do funcionamento básico de uma bateria, utilizando como exemplo uma bateria de íon-lítio, que é uma das tecnologias mais comuns atualmente:

  • Ânodo: Uma bateria de íon-lítio tem um ânodo feito de grafite (carbono). Quando a bateria está carregada, íons de lítio (Li⁺) são incorporados à estrutura do grafite.
  • Cátodo: O cátodo é feito de um material como óxido de cobalto, que é capaz de receber íons de lítio. Quando a bateria está carregada, o cátodo contém uma quantidade mínima de íons de lítio.
  • Eletrólito: O eletrólito é um líquido condutor que permite que os íons de lítio se movam entre o ânodo e o cátodo durante o processo de carga e descarga da bateria. Normalmente, o eletrólito em baterias de íon-lítio é um composto orgânico líquido.

Aqui está o processo básico de funcionamento de uma bateria de íon-lítio durante a descarga (quando ela fornece energia):

  1. Quando um dispositivo está ligado e a bateria começa a ser usada, os íons de lítio presentes no ânodo (grafite) se movem através do eletrólito em direção ao cátodo (óxido de cobalto).
  2. Durante esse processo, elétrons são liberados do ânodo e viajam pelo circuito externo para fornecer energia ao dispositivo eletrônico conectado à bateria.
  3. No cátodo, os íons de lítio se incorporam à estrutura do óxido de cobalto, armazenando energia química.
  4. Quando a bateria é descarregada, a quantidade de íons de lítio no ânodo diminui e a quantidade no cátodo aumenta.

No processo de recarga, o inverso acontece:

  1. Uma corrente elétrica é aplicada à bateria, revertendo o fluxo dos íons de lítio. Eles se movem do cátodo de volta para o ânodo.
  2. Enquanto isso, os elétrons são fornecidos ao ânodo pelo circuito externo.
  3. Os íons de lítio são removidos do cátodo e reincorporados à estrutura do grafite no ânodo.
  4. Este processo de recarga armazena energia na bateria para uso posterior.

É assim que uma bateria de íon-lítio, e muitas outras baterias, funcionam basicamente: convertendo energia química em energia elétrica durante a descarga e armazenando energia elétrica durante a recarga.

 

Como utilizar baterias?

Ao desenvolver projetos eletrônicos, o uso adequado de baterias é essencial para garantir o funcionamento confiável e duradouro do dispositivo. As baterias oferecem uma fonte de energia portátil e independente de uma fonte de alimentação externa, permitindo a mobilidade e flexibilidade em uma variedade de aplicações. Para utilizar baterias em projetos eletrônicos, é importante considerar fatores como o tipo de bateria apropriado para as necessidades do projeto, a capacidade de energia requerida, a tensão de operação e os métodos de recarga.

A escolha da bateria adequada depende das características específicas do projeto, como o consumo de energia do circuito, o espaço disponível para a bateria e as condições ambientais em que o dispositivo será utilizado. Além disso, é importante considerar a eficiência energética do projeto para maximizar a vida útil da bateria e otimizar seu desempenho.

Abaixo, estão alguns recursos úteis que podem ajudar na escolha da bateria ideal para o projeto e aprender como utilizá-las de forma eficaz:

 

 

Tipos de baterias

Existem vários tipos de baterias, cada uma com suas próprias características, aplicações e químicas específicas. Abaixo, descrevo alguns dos tipos mais comuns de baterias:

  • Baterias de lítio (bateria de lithium): Estas são frequentemente encontradas em relógios e dispositivos eletrônicos pequenos. Uma variação comum é a bateria CR2032, uma célula de moeda de lítio de 3 volts que é usada em dispositivos de baixo consumo de energia, como calculadoras, relógios de pulso, dispositivos médicos e controles remotos.
  • Baterias de íon-lítio: São amplamente utilizadas em dispositivos eletrônicos portáteis, como smartphones, laptops e câmeras digitais, devido à sua alta densidade de energia, baixa taxa de autodescarga e vida útil relativamente longa. Elas são recarregáveis e têm uma excelente relação energia-peso. Um exemplo comum deste tipo é a bateria 18650.
  • Baterias de íon de lítio polímero (LiPo): Semelhantes às baterias de íon-lítio, as baterias LiPo são usadas em uma variedade de dispositivos portáteis. Elas oferecem uma maior flexibilidade de forma em comparação com as baterias de íon-lítio tradicionais, o que as torna ideais para dispositivos com designs mais finos e compactos.
  • Baterias de chumbo-ácido: São comumente utilizadas em veículos automotores, como carros, motocicletas e barcos, bem como em sistemas de backup de energia para telecomunicações e sistemas de energia de emergência. Elas são conhecidas por sua confiabilidade, baixo custo e capacidade de fornecer altas correntes.
  • Baterias alcalinas: São encontradas em uma variedade de dispositivos eletrônicos de consumo, como controles remotos, lanternas e brinquedos. Elas são não recarregáveis e têm uma vida útil relativamente longa em armazenamento. No entanto, elas tendem a ter uma densidade de energia menor em comparação com as baterias de íon-lítio.
  • Baterias de níquel-cádmio (NiCd): Apesar de serem menos comuns devido às preocupações ambientais relacionadas ao cádmio, as baterias NiCd ainda são usadas em algumas aplicações, como ferramentas elétricas e dispositivos médicos, devido à sua capacidade de fornecer altas correntes e serem recarregadas rapidamente.
  • Baterias de níquel-metal hidreto (NiMH): São uma alternativa mais ecologicamente correta às baterias NiCd, oferecendo uma capacidade de energia comparável e sendo menos tóxicas. Elas são comumente usadas em dispositivos de consumo, como câmeras digitais, brinquedos e controles remotos.
  • Baterias de íon de sódio: São uma alternativa em desenvolvimento às baterias de íon-lítio, com potencial para oferecer maior segurança e densidade de energia. Elas estão sendo pesquisadas para aplicações em veículos elétricos e sistemas de armazenamento de energia em larga escala.

Esses são apenas alguns dos tipos de baterias disponíveis, e novas tecnologias de bateria continuam a ser desenvolvidas para atender às demandas de uma variedade de aplicações, desde eletrônicos portáteis até veículos elétricos e sistemas de armazenamento de energia renovável.