Capa do post blog scanner 3D CR-Scan Ferret da Creality: configurações iniciais e testes

Scanner 3D CR-Scan Ferret da Creality: Configurações Inicias e Testes Deixe um comentário

A modelagem 3D desempenha um papel fundamental na era da impressão 3D, permitindo aos usuários criar modelos virtuais de objetos com precisão tridimensional. No cerne desse processo, os scanners 3D oferecem uma ferramenta valiosa para capturar e reproduzir objetos do mundo real no ambiente digital. Neste artigo, focaremos no Scanner CR-Scan Ferret da Creality, explorando suas características e experiências práticas.

Unboxing do Scanner 3D CR-Scan Ferret

Ao receber o scanner da MakerHero, a primeira impressão foi positiva. O produto é apresentado em uma bolsa cinza com zíper, ostentando a logo da Creality e uma alça conveniente para transporte.

bolsa cinza com zíper creality

Após abrir a bolsa, encontramos o scanner, um suporte para celular e um powerbank para alimentação durante o uso (atualmente compatível apenas com Android). Além disso, um cabo USB está incluído para conexão com sistemas operacionais como Windows 10/11 ou Mac OS.

bolsa do Scanner 3D CR-Scan Ferret da Creality aberta

Com apenas 105 g, o CR-Scan Ferret apresenta um design compacto e portátil, possibilitando operação com uma só mão e facilitando seu transporte para qualquer lugar. Ideal para profissionais em movimento ou aqueles que buscam praticidade na digitalização 3D.

O scanner 3d creality ferret se destaca pelos seus 4 sensores, incluindo 2 sensores infravermelhos, 1 projetor e 1 câmera RGB. Para nossos testes iniciais, utilizamos um celular Android com 12 GB de RAM e USB 3.2 Gen 1, embora o fabricante recomende no mínimo 8 GB de RAM e USB 3.0 para desempenho ideal.

Especificações Técnicas do Scanner 3D CR-Scan Ferret

O scanner oferece modos de digitalização flexíveis para atender às demandas variadas de projetos. Com opções de alta precisão e faixa ampla, permite escolher a configuração mais adequada para capturar desde os menores detalhes até áreas mais extensas, assegurando versatilidade em suas digitalizações 3D.

CR-Scan Ferret 3D Scanner montado

Equipado com chips ASIC para processamento profundo, o CR-Scan Ferret 3D Scanner garante digitalização rápida e eficiente. Capaz de capturar imagens com 1 megapixel a 60 fps, produz nuvens de pontos 3D fluidas e detalhadas. Sua alta velocidade e desempenho aprimorado aceleram o processo de criação de modelos 3D com precisão impressionante.

Abaixo você você conferir as todas as especificações técnicas do CR-Scan Ferret 3D:

  • Precisão: 0.1 mm
  • Resolução/Distância de ponto: 0.16 mm
  • Distância de trabalho: 150~700 mm
  • Área mínima de escaneamento: 50 x 50 x 50 mm
  • Taxa de quadros/Velocidade de escaneamento: até 30 fps
  • Fonte de luz: NIR
  • Escaneamento externo: Suporta escaneamento no sol forte
  • Modo de alinhamento: Alinhamento manual
  • Escaneia texturas coloridas
  • Alinhamento: Forma, Marcador, Cor
  • Formatos de saída: OBJ, STL, PLY
  • Conexão: USB 3.0/2.0
  • Sistemas operacionais compatíveis: Android, Windows 10/11 (64-bits), Mac OS
  • Peso: 105 g
  • Dimensões: 120 x 30 x 26 mm

Testes e Desafios com o Scanner 3D CR-Scan Ferret Pro

O software utilizado para operar o scanner no Android é o Creality Scan, disponível na Google Play Store. Este aplicativo proporciona um fluxo contínuo, desde a captura pelo scanner até a otimização da nuvem de pontos, a geração do modelo tridimensional e o mapeamento de cores para criar a textura do modelo.

Testes e Desafios com o Scanner 3D CR-Scan Ferret Pro em estátua

Finalmente, é possível exportar e compartilhar o modelo resultante.

antes da captura de modelo grande e complexo Após a captura de modelo grande e complexo

Em nossos testes, realizamos capturas de modelos grandes e complexos. Em algumas instâncias, observamos falhas na otimização devido ao aquecimento do celular durante o processo, como evidenciado em uma das imagens fornecidas.

realização de testes de captura

Nesses casos, o aplicativo salva os dados no cache, acessível posteriormente no computador para processamento adicional.

C-Scan Ferret configuração 1

C-Scan Ferret configuração 2

C-Scan Ferret configuração 3

Ao transferir os arquivos para o computador, o próximo passo é utilizar o Creality Scan no Windows. Após configurar o tipo de objeto (Normal, Face ou Body) e escolher entre Geometry ou Texture, Accuracy, Color Mapping e Turntable, você pode importar os dados salvos do cache do celular. O processo resultará no modelo tridimensional pronto para compartilhamento ou exportação.

importação de arquivo para scan

fatiador de impressão 3D

Ao finalizar esse processo, exporte o modelo e importe-o no seu fatiador de impressão 3D favorito. Em nossos testes, capturamos um modelo físico e o imprimimos com sucesso em uma Ender 3 e uma Halot One, obtendo resultados satisfatórios em ambos os casos.

modelo 1 impresso

modelo 2 impresso

impressao em andamento

exemplo de impressão pronta

Conclusão

O scanner CR-Scan Ferret da Creality se destaca como uma ferramenta eficaz para entusiastas da modelagem 3D e da impressão 3D. Seus sensores avançados proporcionam uma captura precisa, enquanto o software Creality Scan oferece um fluxo de trabalho intuitivo. Apesar de alguns desafios relacionados ao aquecimento do celular durante a captura, a capacidade de salvar os dados no cache e processá-los posteriormente no computador demonstra a versatilidade desse scanner.

Ao compartilhar nossas experiências de captura e impressão, confirmamos que o CR-Scan Ferret é capaz de oferecer resultados consistentes e satisfatórios. Em resumo, o CR-Scan Ferret da Creality se apresenta como uma escolha promissora para aqueles que buscam uma solução acessível e eficiente para incorporar objetos do mundo real em seus projetos de modelagem 3D e impressão.

Faça seu comentário

Acesse sua conta e participe